Home Curiosidades Como dar feedback e melhorar o desempenho da sua equipe?

Como dar feedback e melhorar o desempenho da sua equipe?

0
1350

Como dar feedback? Essa é uma questão que desafia qualquer gestor, seja de pequenas ou grandes empresas. A prática carrega uma má fama bem injusta: a de ser uma forma de bronca ou correção. Mas não é bem por aí! A questão é que até mesmo críticas construtivas e reforços positivos precisam ser feitos com a técnica adequada, sob o risco de criar um clima ruim no ambiente de trabalho.

 

É por isso que colaboradores costumam temer as conversas com o chefe que, muitas vezes, por não saber como agir, adia esse momento o máximo possível ou só o aplica quando tudo vai mal.

Mas não deveria ser assim! O acompanhamento de perto – ou micromanaging – é obrigatório para todo gestor e a boa e velha conversa é uma das técnicas mais necessárias para esse objetivo. Vamos com a gente saber mais sobre como dar feedback?

Duas mulheres sentadas conversando em mesa no escritório, um notebook à frente

Como dar feedback: o segredo do sucesso

Já foi mais do que provado que o feedback é uma das melhores estratégias para melhorar o desempenho da equipe e aprimorar resultados. De acordo com pesquisas de Harvard, nutrir uma cultura de feedback é um dos principais mecanismos que as empresas podem utilizar para estimular o colaborador a ser a melhor versão de si.

Funcionário bem orientado, feliz e motivado gera um impacto positivo em todas as atividades do negócio. Por isso, saber como dar feedback é uma verdadeira arte, que mistura empatia, timing e precisão na escolha de gestos e palavras.

Quer entender melhor? O Fala Mart destacou algumas práticas fundamentais para um bom feedback, confira!

Atenção ao timing

Três pessoas com o braço apoiado sobre a mesa

Decidir o momento certo para abordar o colaborador deve ser a primeira preocupação de quem quer saber como dar feedback de maneira eficiente. O timing faz toda a diferença na forma como sua mensagem será recebida.

O ideal é que o retorno venha o mais cedo possível. Assim que você identificar algum comportamento que deve ser corrigido ou elogiado, o faça! Nessas horas, a capacidade de observação do gestor é muito importante, já que é preciso saber diferenciar erros pontuais de comportamentos inadequados.

Quando dar o feedback?

  • Elogie na hora: o colaborador demonstrou competência ao fechar uma venda importante, lidou bem com uma situação delicada ou executou alguma tarefa com sucesso? Elogie na hora. A ciência comportamental já provou que o reforço positivo imediato é a melhor forma de garantir a repetição de um comportamento desejado.
  • Não deixe erros se tornarem hábitos: gestor que sabe como dar feedback de maneira eficiente é aquele que entende a diferença entre tolerância e negligência. Tudo bem errar uma vez, mas se você deixar isso se repetir o comportamento se torna um hábito e contagia a equipe. Se os atrasos estão passando dos limites, por exemplo, chame a atenção na hora, antes que ele se torne sistêmico.
  • Tenha sensibilidade: seus colaboradores são seres humanos e estão sujeitos ter a performance afetada por suas emoções, seja por problemas trazidos de casa ou acontecimentos no dia a dia do negócio. Se um funcionário chorou ao lidar com um cliente nervoso, fale com ele só no dia seguinte. É uma forma de demonstrar respeito e também de garantir que o feedback não sirva apenas para desestabilizá-lo ainda mais.

Seja claro e específico

Pessoas, conversa, mesa

Existem três categorias de feedback: reforço positivo, crítica construtiva e feedback negativo. As três têm objetivos específicos e saber passar essas mensagem de maneira direta e precisa é a chave de como dar um bom retorno.

A melhor forma de se fazer entender é usando exemplos práticos e sendo o mais descritivo possível, principalmente nos dois últimos casos. Ou seja, em vez de falar que o colaborador age de forma pouco profissional, por exemplo, destaque algumas atitudes específicas que demonstre o que você está dizendo.

O problema está na forma como ele se veste? Como interage com os clientes? O que ele deve cortar na hora e o que deve ser aprimorado com o tempo? É importante ser claro não só em relação ao que não está agradando, mas principalmente ao que você espera dali em diante.

Como dar feedback?

  • Comece pelos elogios: Uma estratégia amplamente adotada nas rotinas de feedback é começar destacando os aspectos positivos e depois partir para as críticas. Dessa forma o colaborador terá uma postura mais aberta para ouvir o que você tem a dizer e se sentirá motivado a melhorar.
  • Faça críticas impessoais: Outro segredo importante de como dar feedback é criticar a atitude, não a pessoa. Portanto, em vez de dizer que alguém é desorganizado, mostre de forma concreta de que maneira aquela desorganização se refletiu na rotina do trabalho.
  • Dê sugestões: Como dar feedback é uma prática que visa o aprimoramento, é importante dar aos colaboradores direcionamento sobre o que fazer e o que é esperado deles. Essa é hora de mostrar que você confia no potencial daquelas pessoas e deve ser visto como um aliado no processo de desenvolvimento profissional.

Crie um ambiente de segurança

Reunião de três mulheres

É importante controlar a atuação dos seus colaboradores, claro, mas não dá para extrapolar a dose e criar um clima desagradável na empresa. Esse ponto é ainda mais delicado se sua empresa é pequena e se o chefe trabalha junto dos funcionários: o convívio diário não pode ser afetado por ressentimentos ou um clima de “perseguição”.

Como dar feedback nessas situações? Independente do tamanho do negócio, é imprescindível ser cortês e tratar o outro com respeito. Por mais grave que seja a falta, esse momento não pode servir de abertura para ofensas pessoais, e firmeza não deve ser confundida com crueldade e falta de educação!

Como dar feedback sem extrapolar?

  • Elogie em público, critique no privado: expor o colaborador diante dos outros cria um constrangimento desnecessário, afeta a autoestima e acaba com a motivação. Todo mundo erra e um funcionário tem direito à privacidade na hora de ser repreendido. Já os elogios públicos demonstram reconhecimento e ainda incentivam todo mundo.
  • Saiba ouvir: Para evitar um clima de acusação, dê espaço para que seu colaborador possa falar e expor sua perspectiva. Em boa parte das vezes, a pessoa tem consciência de seus erros e acertos. Esse exercício estimula a autonomia e cria uma relação de confiança entre você e sua equipe, já que a opinião deles também é considerada.

Valorizar os colaboradores, aliás, é uma prática diretamente vinculada ao sucesso de qualquer negócio. Tão importante quanto saber como dar feedback é adotar estratégias de motivação para sua equipe. Confira nosso post sobre o assunto!

Deixe um Comentário!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome