Home Segmento Hotel Compra coletiva ainda funciona para o lojista e hoteleiro?
Carrinho de compra com caixas em cima do teclado de computador

Compra coletiva ainda funciona para o lojista e hoteleiro?

0
1900

Existe um provérbio africano que diz: “Se quer ir rápido, vá sozinho. Se quer ir longe, vá em grupo”. Essa frase, no contexto da compra coletiva, mostra como consumidores fizeram excelentes compras e empresas aumentaram sua exposição no mercado durante “o reino das compras em grupo”.

 

Alguns anos atrás, sites como o Groupon e o Peixe Urbano tomaram conta do ambiente online, movimentando consideravelmente a economia do país. Como tudo no mercado sobe e desce, hoje em dia esses sites não apresentam a mesma evidência, mesmo ainda estando em plena atividade.

Assim, fica a pergunta: a compra coletiva ainda funciona? Claro que sim! Ainda tem muita gente correndo atrás desses sites. Vamos saber mais no artigo?

O que aconteceu com as compras coletivas?

Um monitor de computador de frente para outro. De dentro saem duas mãos: uma com cartão e outra com sacola de compras.

O modelo de negócio baseado na compra por grupos de participantes teve seu auge entre 2010 e 2011, quando inúmeras empresas de vários segmentos passaram a oferecer descontos que chegavam a 90% dos valores iniciais.

Esse sempre foi o grande trunfo das compras coletivas: como muita gente quer desconto, fica mais fácil lucrar pela quantidade. Imagina sair pra jantar e não pagar quase nada?

Com o tempo e as inevitáveis transformações na economia, tanto os consumidores quanto as empresas deixaram de ver nas compras coletivas uma alternativa tão interessante, o que levou as companhias que prestavam esse serviço a se adequarem ao novo cenário.

Um sinal dessa transformação aconteceu alguns anos atrás: o Peixe Urbano e o Groupon, empresas líderes no mercado de compra coletiva, se fundiram em 2017. A ideia foi juntar as forças e continuar com as atividades, ainda que o contexto fosse outro em relação ao começo da década.

Essa fusão marcou o fim do grande boom das compras coletivas, que já vinham diminuindo bastante. Mas mesmo assim o serviço ainda está vivo, e muita gente ainda conta com ele para vender mais.

Continue na leitura que temos muito o que explorar!

A compra coletiva no contexto da hotelaria

Hotel de quatro andares em forma de “V”. Quartos com cortinas verde-água e cadeiras do lado de fora. Coqueiros no térreo.

Mesmo em um momento em que esse tipo de estratégia já não está mais tão no auge, quando consideramos a realidade do mercado de hotelaria, vemos que as compras coletivas ainda representam boas oportunidades, tanto para consumidores quanto para os comerciantes.

Isso tem a ver, entre outros motivos, com as características desse tipo de negócio. O sistema no contexto hoteleiro funciona basicamente da mesma forma como nos outros setores. Um preço é sugerido e ele passa a valer a partir do momento em que uma quantidade mínima de interessados manifesta o desejo de aproveitar a oferta.

A reserva de hotéis em compras coletivas permite que as empresas conquistem clientes com esses descontos. Como eles só são garantidos quando uma quantidade mínima de interessados fecha negócio, a proposta gera economia para o consumidor e atrai clientes para a empresa.

A compra coletiva, quando vista não só como uma ação imediata, pode representa um movimento estratégico para que o hotel aumente seu público com novos hóspedes.

Pense com a gente: como conseguir novos hóspedes? Você precisa investir em marketing, pra começar. Os sites de compras coletivas são plataformas com milhares de usuários buscando exatamente o que você consegue oferecer: aquela oferta imperdível.

A oferta certa na hora certa

O mais importante está no que você vai oferecer nos sites de compras coletivas. Não basta simplesmente dar 20% de desconto e esperar pelos louros da vitória. Esse tipo de porcentagem é padrão, todo mundo já viu!

É interessante pensar alto, focar na quantidade e não na melhor margem de lucro possível.

E ainda tem outro ponto: a fidelização de hóspedes. Quanto melhor for o seu atendimento, mais chances você tem de conseguir que aquele pessoal que te conheceu no site de compras coletivas volte na próxima temporada.

Veja algumas dicas que separamos para criar seu anúncio em sites de compras coletivas:

  • Ofertas acima de 50% para começar;
  • Procure anunciar quando seu movimento não estiver muito bom;
  • Veja como estão as ofertas dos seus concorrentes e tente fazer melhor! 
  • Descreva as ofertas minuciosamente para evitar mal entendidos;
  • Ofereça quartos com os melhores colchões, com televisores e ar condicionado para fidelizar esses clientes! 

O que fazer e o que não fazer na compra coletiva para hotéis

Pessoa analisa gráficos no notebook. Ao redor, uma mesa de reunião com pessoas. Apenas parte do corpo das pessoas é visível

Entender a compra coletiva como uma oportunidade é fundamental para conseguir melhorar os resultados de um hotel.

Para o profissional, o modelo de negócio deve ser bem planejado. É preciso pensar nos detalhes para que, de fato, o cliente encontre uma boa oportunidade e saia satisfeito com sua aquisição.

Assim, para que essa solução funcione, o ideal é que as ofertas sejam convidativas e, acima de tudo, representem uma possibilidade de economia real para o consumidor. Nesse sentido, é importante preparar o caixa meses antes para que o desconto não represente um rombo no orçamento.

Considere também os detalhes da promoção, como datas e política de cancelamento. Questões como a garantia da disponibilidade dos quartos, a possibilidade de incluir as passagens aéreas na oferta, eventuais taxas adicionais a serem pagas no check-in etc, devem ser bem detalhadas para que a solução oferecida não se torne uma dor de cabeça para o seu hotel.

Vale lembrar que hoje existem sites especializados em compras coletivas de viagens. Alguns deles, como o Zarpo Viagens, o Hotel Urbano e o Viajar Barato, abrem espaço para possibilidades tão ou até mais interessantes do que os já conhecidos Peixe Urbano e Groupon.

Enfim, o fato é que, mesmo com as transformações do mercado, quando observamos todos esses fatores citados, vemos que ainda é possível fazer da compra coletiva uma oportunidade para atrair clientes e fidelizá-los.

Oferecendo um bom serviço, isso certamente poderá trazer benefícios para o seu negócio no futuro.

No fim das contas, a compra coletiva representa uma oportunidade para atrair clientes. Conheça outras cinco dicas para atrair hóspedes para o seu hotel!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.