Home Destaque Como as cores influenciam o varejo e o comportamento de compra
diversas cores de tintas em potea e pintadas no papel

Como as cores influenciam o varejo e o comportamento de compra

0
464

Você sabia que as cores no varejo influenciam no comportamento de compra? Parece loucura, mas é verdade. Da mesma forma que as pessoas gostam de usar roupa branca no Réveillon por estar relacionada a paz, no varejo as cores têm um certo peso e influência na hora das compras, por mais que seja inconsciente

Usar as cores certas para comunicar uma promoção, um produto e até mesmo a marca da sua loja faz toda a diferença nas vendas, seja no formato presencial ou no online.

Fachadas e vitrines também devem ser contempladas na hora de acertar os tons do seu negócio. E até mesmo em alguma ação específica e, assim, transmitir a informação que deseja para o público.

Elas têm o poder de passar calma, confiança, saúde, paz, limpeza, fome, sofisticação, modernidade e várias outras sensações. E esses sentimentos agem no emocional do consumidor, influenciando nas decisões de compra.

No post de hoje, você vai entender mais sobre a influência das cores no varejo e como trabalhar as tonalidades conforme o segmento e a ação. Vamos lá!

O poder das cores no físico e no online

Fundo abstrato de cérebros em cores

As cores usadas em uma marca ou em um produto não são apenas decorativas, muito menos aleatórias. Elas foram definidas com base em estudos e estratégias de marketing, com o objetivo de impactar visualmente o consumidor e suas compras.

Qual a identidade da sua loja? Quais cores foram usadas para criar sua marca? Tem associado tudo que faz com as cores da sua marca? Importante que sim, desde fachada, cartão de visita, layout do site, caso tenha, perfis das redes sociais, e até mesmo material promocional para justamente causar impacto e reflexo nas vendas.

Quando você aplica suas cores em tudo, o cliente passa a associar essas cores ao seu negócio, estimulando o cérebro a diversas sensações, desejos e sentimentos.

Uma cor trabalhada de forma errada pode impactar de forma negativa nos negócios. Por isso é tão importante usar a psicologia das cores no seu varejo, independente do segmento de atuação.

Um estudo publicado por Satyendra Singh aponta que as pessoas tomam decisões sobre um produto durante os 90 segundos de interação com ele. Outro dado apresentado é que cerca de 62% a 90% dessa avaliação é baseada apenas nas cores.

O uso das cores não está relacionado apenas à loja física. Se você vende pelos canais online, as dicas também devem ser aplicadas no site.

Significado das cores

Já que começamos a falar acima sobre as cores, vamos então saber o conceito de algumas e como elas podem melhorar seus resultados. Vamos lá!

Vermelho: raiva, paixão, violência, sangue, desejo, força, excitação, energia, calor, velocidade, fogo, poder, perigo, sangue.

O vermelho é bastante usado no mercado e está ligado à paixão e à fome. Tanto que grandes marcas usam essa cor para remeter aos lanches que são vendidos.

A cor também é usada para destacar promoções, principalmente no varejo. Por ser uma cor quente, que chama a atenção do consumidor, o vermelho costuma estimular a compra do que está sendo apresentado.

Além de chamar a atenção nas promoções, o vermelho é usado nas sinalizações de urgência.

Rosa: romantismo, charme, delicadeza, inocência, leveza, felicidade, satisfação, brincadeira, feminilidade e modernidade.

O tom mais claro do rosa é usado para transmitir delicadeza e romantismo, bastante explorado no universo feminino. A tonalidade mais forte está ligada à modernidade. A cor é bastante usada em marcas femininas e infantis, além de lojas que vendem doces.

Amarelo: sabedoria, otimismo, alegria, conhecimento, imaginação, verão, perigo, desonestidade, alerta, inveja, cobiça e engano.

Tem o poder de estimular o apetite, sendo muito usado com o vermelho. Quando trabalhado separadamente, a cor transmite a ideia de otimismo.

Também é usada para chamar atenção de algo, um alerta. No ambiente virtual, o amarelo transmite transparência nas negociações.

Laranja: humor, calor, energia, equilíbrio, entusiasmo, expansão, extravagância e excessividade.

A cor laranja é vibrante, remetendo ao enérgico e acaba despertando o desejo de ação do cliente por ser uma cor estimulante.

Ideal para ser usada em campanhas e anúncios, é uma cor agradável que traz alegria e confiança nas empresas.

Mais sobre o significado das cores

Verde: natureza, meio ambiente, cura, saudável, calma, perseverança, orgulho, autoconsciência, sorte, ciúme, inveja, inexperiência.

O verde está super relacionado à natureza, ao meio ambiente, e transmite saúde e equilíbrio. A cor é usada em lojas e espaços relacionados à saúde por passar essa sensação de calma, além de ser aplicada em produtos de higiene por transmitir frescor.

Azul: fé, paz, calma, lealdade, confiança, conquista, harmonia, segurança, limpeza, água, céu, frio, tecnologia.

O azul claro também traz a sensação de higiene e frescor, assim como o verde. É capaz de estimular a criatividade em um ambiente e tem o poder de transmitir a sensação de conquista.

Confiança também é transmitida na tonalidade mais escura do azul. Ambas são bastante usadas em ambientes corporativos e na maioria das vezes a cor está ligada à paz, com estímulos para diminuir o apetite.

Marrom: materialismo, excitação, terra, casa, ar livre, confiabilidade, conforto, resistência, estabilidade, simplicidade.

Sofisticação e seriedade são as marcas do marrom, usado com frequência para associar a natureza e segurança. Muito utilizado em produtos orgânicos e outros itens vindos da terra.

É comum o marrom ser usado em lojas de pisos, móveis e estabelecimentos com produtos exclusivos e gourmet.

Preto: poder, formalidade, elegância, mistério, medo, infelicidade, mal, raiva e remorso.

Cor neutra que está associada a elegância e força, e também muito usada no universo masculino. Passa um ar de mistério, além de medo e curiosidade.

O preto combina muito bem com outras cores, sendo capaz de transmitir diversas sensações quando ocorrem essas combinações. A cor é muito usada em tipografias – fontes de letras – justamente por ser considerada neutra.

Branco: paz, proteção, pureza, humildade, nascimento, casamento, frio.

Também é uma cor neutra, associada ao puro, organização, e tem o poder de acalmar. Desperta a sensação de equilíbrio quando associada a outras cores mais intensas. É bastante usada em conteúdos de blogs e materiais disponibilizados a clientes.

Uso das cores no varejos

Paleta de cores em fundo branco

Agora que você leu um pouco sobre as principais cores, vamos destacar o uso dessas cores no varejo nos segmentos de farmácia e supermercado.

Supermercados

Como o supermercado é composto por vários setores, cada um pede uma cor característica com o objetivo de passar uma sensação de estímulo de compras para os produtos expostos.

Pedro Luciano, projetista e consultor da Universidade Martins do Varejo (UMV), reforça que as cores no supermercado também são usadas para delimitar as seções, indicando para o consumidor sua localização ao percorrer pela loja.

Outra importância das cores, segundo Pedro, é chamar a atenção do cliente para determinado produto ou promoção.

Podemos observar isso nos cartazes promocionais, em que as cores laranja, amarela e vermelha são usadas por serem consideradas quentes e transmitirem energia e otimismo. No ambiente de um supermercado também devemos usar as cores para fortalecer a marca e o visual da loja, usando sempre as que transmitem confiança, segurança e credibilidade ao consumidor”, disse.

Vamos então às dicas que o consultor deu em relação às cores que podem ser usadas no supermercado de acordo com a seção:

  • Azul: usado constantemente na seção de limpeza, pois remete a água e transmite essa sensação de limpeza;
  • Marrom: transmite sofisticação e segurança, podendo ser usado na seção de eletro;
  • Verde: associado ao hortifruti, pois remete a natureza e ao meio ambiente;
  • Amarelo: usado para dar destaque em cartazes promocionais, pois transmite a sensação de otimismo e é uma cor acolhedora. Se associada ao laranja e ao vermelho, forma uma combinação perfeita;
  • Preto: transmite ideia de modernidade, inovação e sofisticação, podendo ser usado, por exemplo, na seção de informática;
  • Vermelho: é sempre associado à ideia de fome, muito usado na seção de açougue.

Farmácias

A venda de medicamentos e não medicamentos está muito ligada à saúde e a maioria das farmácias usa o branco como cor principal, inclusive na fachada. Também associa a cor com o azul e o verde buscando transmitir seriedade e bem-estar.

Como são ambientes menores, as farmácias costumam usar cores para identificar a loja como um todo, mas alguns setores são destacados:

  • Laranja: para sinalizar produtos relacionados ao bem-estar, como vitaminas e suplementos;
  • Amarelo, rosa e azul: em tons claros, para remeter à seção de cuidados infantis.

Na hora de chamar a atenção para um produto ou promoção as cores mais usadas também são o amarelo e o vermelho.

Espero que tenha gostado das dicas. Mas antes de ir, aproveite para ler sobre como as estratégias de marketing podem influenciar no seu varejo.

Até a próxima!