Home Dicas Black Friday Aprenda a fazer seu cronograma de compras e giro de estoque para...

Aprenda a fazer seu cronograma de compras e giro de estoque para a Black Friday

0
390

Se engana quem pensa que os preparativos da Black Friday acabam depois que você finaliza a lista de produtos que pretende vender mais barato. Antes de fechar negócio com seu fornecedor, é importante fazer um cronograma de compras levando em conta também aquelas mercadorias que estão precisando de um giro de estoque.

Estamos quase no final do ano e é normal ter alguns produtos encalhados, principalmente em um período tão atípico como o que estamos vivendo. A melhor saída para realizar esse giro no estoque é inserir essas mercadorias no seu mix de Black Friday – desde que elas estejam em boas condições e dentro do prazo de validade.

O desafio está em tornar esses produtos atraentes para os consumidores, o que pode ser feito através da associação estratégica com aqueles itens mais desejados. Se bem executada, a jogada te ajuda a aumentar o ticket médio, liquidar o estoque, lucrar pelo volume de vendas e ainda impressionar seu público com preços beeeem baixos.

Mas isso só é possível com um cronograma de compras, que vai te ajudar a enxergar seu mix com mais clareza e a tomar decisões mais certeiras. Não entendeu o que isso tem a ver com giro de estoque para a Black? Então continue a leitura que te explico direitinho!

Trabalhadores puxando carrinhos com caixas e prateleiras de estoque ao fundo

Como funciona o cronograma de compras?

O cronograma de compras nada mais é do que uma ferramenta que ajuda no abastecimento da loja. Contextos como o da Black Friday, em que o giro de estoque tende a ser o mais intenso do ano, exigem uma preparação especial deste departamento, garantindo que as mercadorias não faltem, nem sobrem.

Esse tipo de planejamento também te ajuda a gerir melhor o orçamento, já que permite uma visão geral da situação do armazém e do status de cada mercadoria. Assim é possível aproveitar descontos sazonais, negociar melhores contratos com os fornecedores, reduzir custos de armazenamento e identificar oportunidades de giro de estoque.

Que tal aproveitar a Black Friday para inserir o cronograma de compras de vez na rotina do seu negócio? Veja a seguir por onde começar!

Análise do estoque e da lista de compras

Antes de começar é importante tomar nota de tudo que está no seu armazém, para que você identifique quais produtos estão precisando de giro no estoque. Entram nessa lista aquelas mercadorias que não venderam tanto quanto o esperado e que estarão próximas da data de validade no período da Black Friday.

Outro fator que vai te ajudar no cronograma de compras é a organização do espaço físico: com tudo em seu devido lugar é bem mais simples ter uma ideia da sua capacidade de armazenamento e da quantidade de produtos que podem entrar. Essa organização também vai ser útil quando a Black Friday estiver pegando fogo!

Uma disposição otimizada das mercadorias vai agilizar o trabalho dos colaboradores na hora de fazer a reposição das prateleiras ou encaminhar produtos para a entrega.

Em seguida é hora de contabilizar tudo que pretende comprar, unindo as projeções vindas das pesquisas de tendências e de intenção de compra com seu espaço disponível para acomodar tudo. Aproveite o cronograma de compras para registrar essa organização ideal, facilitando a manutenção no dia a dia.

Homem andando entre caixas de papelão no estoque.

Previsão de vendas

Lembra do que falei na introdução sobre a oportunidade de usar o giro de estoque para lucrar pelo volume de vendas? Esse é o momento de fazer essa “mágica” acontecer.

Com as mercadorias definidas é possível estabelecer as estratégias de precificação adequadas para que o desconto seja grande o suficiente para tornar a compra irresistível e ainda render alguma coisa a partir do giro de estoque.

Sim, o cronograma de compras pode te ajudar até na hora de estabelecer as metas de vendas! Aliás, uma boa tática para engajar seus vendedores na missão de fazer o giro de estoque é premiar o colaborador que contribuir mais para esse objetivo.

As mercadorias que você pretende comprar especificamente para a Black Friday também devem fazer parte dessa etapa, já que a precificação varia de acordo com a previsão de vendas. Um produto que promete vender muito, por exemplo, não precisa de uma porcentagem de desconto tão grande assim, já que a intenção de compra garante o giro de estoque.

Negociação com os fornecedores

Com todas as quantidades, produtos e preços definidos, é hora de negociar com os fornecedores. Seu cronograma de compras vai ser a diretriz para avaliar os preços do mercado e decidir qual atacadista é mais vantajoso para você.

Além dos descontos, fique atento também aos outros benefícios que o fornecedor pode oferecer. Determinada empresa pode não ter o desconto mais impressionante, mas o custo benefício pode ser bem mais interessante se ela proporcionar outras vantagens, como frete gratuito.

Fala, Mart!

E se você busca benefícios com preço mais baixo e produtos de qualidade, o Martins é a melhor pedida para sua Black Friday! Sabemos que a parceria entre varejo e atacado é um dos fatores mais importantes para o sucesso de um negócio e queremos te ajudar no crescimento e no giro de estoque.

Além de frete grátis e cashbacks gigantescos, nossos clientes também podem fazer parte de um clube de relacionamento que dá direito a descontos, consultorias e treinamentos exclusivos!

Como organizar melhor o giro de estoque?

braços de duas pessoas sobre mesa de escritório com as mãos tocando notebook, calculadora, caneta e planilha

Agora que você já entendeu as técnicas envolvidas na elaboração do cronograma de compras, vale a pena conversarmos sobre ferramentas que ajudam no giro de estoque. Não é preciso de nada muito sofisticado. As planilhas do Excel ou as tabelas do Google Drive já ajudam, mas, se quiser investir um pouco mais, os softwares de gestão de estoque são o melhor caminho.

O cronograma de compras precisa contar com algumas categorias específicas: descrição do produto, quantidade, valores dos fornecedores cotados e preço final.

Para organizar seu estoque para a Black Friday é importante também registrar o prazo de entrega de cada fornecedor, para que você saiba exatamente quando deve fazer as compras para receber as mercadorias a tempo.

Depois desse esforço inicial, você terá em mãos uma ferramenta para te ajudar pelo resto do ano e além. O exercício de identificar oportunidades de giro do estoque pode até virar tradição, garantindo boas promoções periodicamente para manter a loja sempre movimentada!

Gostou desses “truques” para vender mais e melhor? No próximo post, te ensino mais dicas de como fazer os melhores negócios no atacado! A primeira delas é comprar no Martins, então faça seu cadastro!