Home Dicas Covid-19 Busca por eletrônicos para revenda aumenta na pandemia
Família sentada no sofá com aparelhos eletrônicos nas mãos: tablet, smartphone e notebook.

Busca por eletrônicos para revenda aumenta na pandemia

0
304

Se você me acompanha por aqui já sabe que com a pandemia do novo coronavírus as vendas online aumentaram exponencialmente. A recomendação é que, se possível, todos fiquem em casa. E, por isso, o consumidor tem optado por serviços online para suprir suas necessidades.

 

E isso abrange toda uma gama de produtos, tanto roupas, sapatos, alimentos com serviços de entrega e até mesmo eletrodomésticos e eletrônicos. Inclusive, esse último tem sido uma das principais procuras, já que o home office foi a melhor alternativa encontrada para a maioria dos campos de atuação profissional.

Então, pensa comigo, se a procura cresceu o que isso significa pra você? Oportunidade! Que tal propor eletrônicos para revenda? E é sobre isso que vamos falar no texto de hoje.

Homem sentado com um notebook e um desktop em cima de uma mesa.

Prioridades diferentes na hora das compras

Primeiramente é de extrema importância entender que a necessidade do seu cliente mudou. A troca da geladeira, a mesinha do escritório e do próprio notebook não pode ficar para depois, ele está em home office e quanto mais tempo em casa, mais a necessidade aumenta, por isso os eletrônicos são a tendência do momento.

E pensando no seu negócio, posso afirmar que investir em eletrônicos para revenda é um ótima oportunidade para alavancar as vendas. Um estudo feito pelo O GLOBO mostrou que ao menos 80 novos produtos desse segmento foram lançados desde março. E não para por aí…

A venda de notebooks cresceu 173%, de acordo com a consultoria GFK, e
consequentemente outros eletrônicos também. Os tablets, por exemplo, tiveram um aumento de 176%. Ah, e como os consumidores estão mais em casa, as necessidades domésticas também aumentaram. Dados mostram um investimento maior em eletrodomésticos que ajudam nas tarefas de casa.

Viu, eu te disse que essa é uma ótima oportunidade. Se engana quem pensa que eu estou falando apenas de notebook, separei umas lista com outros aparelhos eletrônicos para revenda, vem ver!

Família sentada no sofá com aparelhos eletrônicos nas mãos: tablet, smartphone e notebook.

Eletrônicos para revenda: smartphones

Com o avanço da tecnologia, hoje os smartphones fazem basicamente tudo, e disso você já sabe não é? Desde uma pequena ligação e, em tempos de coronavírus, até uma reunião por vídeo chamada E para esse tipo de eletrônico a projeção de crescimento é, de pelo menos, 1,2% ao mês, e desde março as vendas aumentaram em 125%.

Preparei uma listinha com os melhores aparelhos que temos no Martins e que são perfeitos para o seu mix, olha só:

Para aumentar seu mix de produtos, atrair mais clientes e aumentar a margem de lucro você já sabe: smartphones para revenda! Inclusive, se quiser saber tudo sobre esse segmento, é só ler esse texto aqui que falo tudo sobre eles e estratégias de venda.

Eletrônicos para revenda: notebooks

Lá em cima eu já te adiantei que as vendas de notebook aumentaram muito devido ao home office. Por isso, oferecer um notebook com uma qualidade e desempenho satisfatórios, capaz de ajudar seu cliente a trabalhar a distância se tornou um item necessário no mix.

No Martis.com.br temos vários produtos disponíveis. Separei alguns que são muito bons e que exemplificam o estamos falando:

Outra coisa, não esquece que Parceiro Martins recebe dinheiro de volta nas compras. Uma ótima solução pra você melhorar sua margem de lucro, dando um alívio neste momento de pandemia para investir em eletrônicos para revenda.

Imagem mostrando um notebook, papel, agenda e uma xícara de café em um fundo branco.

Eletrônicos para revenda: aspirador de pó

É isso mesmo que você leu! O aspirador de pó está na lista dos produtos mais adquiridos durante a pandemia. Lembra que eu falei que os consumidores estão investindo em eletrodomésticos que ajudam nas tarefas diárias? Pois é, prova disso é o crescimento na venda desses produtos que chegou a um aumento de 351%.

Temos três produtos disponíveis no Martins.com.br que devem fazer parte do seu mix. Lembre-se sempre que ter um mix de produtos variados ajuda no momento de decisão de compra. Quanto mais opções mais chances do cliente adquirir um produto seu.

Os eletrônicos para revenda podem ser o seu alívio nesse momento de pandemia, amigo varejista. Saiba aproveitar e discernir a oportunidade, e conte com o Martins.com.br, um parceiro que te oferece frete grátis (válido para entregas com frota própria CIF e para produtos do Marketplace, confira as condições no seu carrinho de compras) e ótimas condições de compra.

Mas como revender produtos na pandemia?

Até aqui você já entendeu que os eletrônicos para revenda são uma ótima oportunidade, certo? Mas, talvez, pode estar pensando que pode ser um pouco difícil fazer essa revenda agora, em plena pandemia. Por isso, separei três dicas que vão te ajudar:

  1. Ofereça a opção do delivery: entregue os produtos na casa do seu cliente;
  2. Tenha um mix variado: revenda produtos de diferentes empresas e marcas;
  3. Esteja alerta: sempre se atente para as novas tendências e mudanças no comportamentos do consumidor.

Se você quer saber mais informações, estratégias e oportunidades para revender na pandemia tenho tudo o que você precisa saber na minha série especial sobre a Covid-19. São textos que posto diariamente pra te ajudar!

Nos encontramos depois!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome