Home Segmento Academia Feriados e pontos facultativos: qual é a diferença? Quando abrir?
Feriados e pontos facultativos: sinal de aberto em porta de vidro

Feriados e pontos facultativos: qual é a diferença? Quando abrir?

0
1316

Feriados e pontos facultativos podem dar um nó na cabeça dos donos de empresa, ainda mais com os funcionários querendo saber se vão folgar ou não. Porém, é na folga de outra pessoa que você deveria focar: a de quem compra com você.

O maior motivo de lojas abrirem em feriados e pontos facultativos é porque seus clientes estão de folga. Então, serviços como restaurantes, bares, etc., normalmente lucram mais graças a esse movimento. Supermercados, mercadinhos de bairro e mercearias também costumam lucrar bastante, já que tudo está fechado, mas as pessoas continuam precisando dos serviços.

Por tradição, outras lojas de determinados segmentos não costumam abrir, e não são nem mesmo procuradas. Uma única loja de eletrônicos, por exemplo, aberta no centro da cidade em pleno domingão não vai vender tanto assim, já que o público não está acostumado a comprar nesse dia fora de shoppings.

Feriados e pontos facultativos: sinal de aberto em porta de vidro

Mas e como fica a questão do trabalho nos feriados e pontos facultativos? Será que vale a pena abrir ou não? O quanto eu pago a mais? Essas respostas você encontra no artigo a seguir. Vamos ver?

Vale a pena abrir em feriados e pontos facultativos?

A melhor resposta sempre é depende. Você consegue prever o movimento da sua loja? Se você imagina que ele vai ser bom, aí abrir é o melhor caminho. Se não, é melhor deixar fechado e não gastar mais do que você precisa.

Muito vai depender do seu segmento mesmo. Abrir em feriados e pontos facultativos é bom pra alguns, como a gente estava dizendo, mas nem tão bom assim pra outros. A questão do shopping é um ponto anômalo: as pessoas costumam ir aos shoppings aos sábados e domingos, portanto as lojas simplesmente precisam estar abertas.

Centro de cidade vazio durante feriados e pontos facultativos

É tudo uma questão de avaliação do seu movimento e pertinência. Abrir em feriados e pontos facultativos ainda tem outra questão bem difícil de lidar, a motivação dos seus colaboradores. O que eles acham disso? Não vale a pena arriscar a ira de quem trabalha com você por conta de uma ou duas vendas a mais.

E já que estamos falando dos colaboradores…

O quanto pagar em feriados e pontos facultativos?

A diferença principal entre feriados e pontos facultativos é simples. Nos feriados, o empregador não pode exigir a presença do funcionário, exceto em alguns casos de necessidade de abertura ou serviço ao público em geral. A Lei Trabalhista diz o seguinte – com a Reforma Trabalhista:

Lei nº 605/49:Art. – Nas atividades em que não for possível, em virtude das exigências técnicas das empresas, a suspensão do trabalho, nos dias feriados civis e religiosos, a remuneração será paga em dobro, salvo se o empregador determinar outro dia de folga.

Feriados e pontos facultativos: restaurante com portas fechadas à noite e sinal de aberto.

Então seu colaborador pode sim trabalhar no feriado, caso a empresa fundamente-se nesse princípio, mas você deve pagar o turno em dobro ou dar outro dia de folga. De qualquer forma, ainda há a questão do DSR, o Descanso Semanal Remunerado.

Basicamente, todo colaborador recebe o valor de um dia de trabalho em domingos e feriados. Mesmo se trabalhar nesse dia e receber em dobro, ele ainda vai ter direito ao DSR.

Com o ponto facultativo já é diferente. A empresa pode decidir por não abrir, mas o valor não é descontado dos colaboradores e você não paga a mais caso eles trabalhem. É basicamente um dia normal mesmo, em que você abre se quiser. A questão do facultativo está mais relacionada com serviços públicos, como é o caso dos cartórios, por exemplo. Eles são obrigados por lei a trabalhar em dias úteis, mas nos pontos facultativos podem optar por fechar as portas.

O melhor mesmo é conhecer os feriados e pontos facultativos do ano inteiro com antecedência para saber quando você vai abrir ou não. Você já pode, inclusive, observar o seu movimento nessas datas pra ter mais argumentos com a equipe sobre o funcionamento da empresa.

Pra te ajudar, nós bolamos esse calendário incrível com todas as datas comemorativas de 2019. E sabe o que é melhor? Ele já está em formato pra impressão! Além de ter um documento que mostra todos os feriados e pontos facultativos em destaque, você ainda leva um calendário bem bacana do Martins pra colocar na loja.

O calendário que a gente está te disponibilizando aí, de graça, é muito mais do que uma maneira de você entender os feriados e pontos facultativos pra saber se vai abrir ou não. Na verdade, é uma forma de se preparar para algumas datas importantes que nem sempre são um feriado.

É, isso existe. Já ouviu falar no Dia do Cliente? Pois é, ele não é um feriado nacional e nem demanda ponto facultativo, mas ainda assim representa uma oportunidade de vendas. A comemoração surgiu há pouco tempo como uma maneira de impulsionar as vendas desde o início do segundo semestre, e muita gente está planejando ações nessa época.

Mas o Dia do Cliente não é o único dia pro qual você deve se preparar fora do calendário de feriados e pontos facultativos. Dá uma olhada aí nos dias que a gente marcou no Calendário do Varejo 2019 do Martins!

Pra bares e restaurantes: St. Patrick’s Day

Feriados e pontos facultativos: St. Patrick’s Day!

Se você trabalha em bar ou restaurante, já deve estar acostumado a abrir em feriados e pontos facultativos. Mas em março, mais especificamente no dia 17, você tem a oportunidade de vender muito sem nem precisar pagar um extra pelo feriado: o St. Patrick’s Day!

Essa festa acontece em honra a São Patrício, o santo padroeiro da Irlanda. Existem duas coisas que são muito, mas muito populares nesse país: o hábito de beber cerveja e o catolicismo. Era de se esperar que, pelo menos uma vez ao ano, essas duas predileções culturais fossem se encontrar.

O St. Patrick’s Day é ideal para fazer uma festa temática no bar. Decore tudo de verde, até a cerveja com corante natural, e ofereça aquele desconto especial pro pessoal beber à vontade. Se na sua cidade essas festas não são comuns, melhor ainda! Muita gente conhece o costume e, a cada dia que passa, mais o St. Patrick’s fica popular. É uma data praticamente obrigatória para os bares!

Para as papelarias: Dia do Professor

Feriados e pontos facultativos: caderno de anotação com canetas coloridas

Dia 15 de outubro é Dia do Professor. Justamente por ser muito próximo a uma das datas mais importantes do segundo semestre – o Dia das Crianças – o Dia do Professor muitas vezes acaba ficando de lado, como uma data sem muita importância pro varejo.

Mas dá pra ganhar muito dinheiro com o Dia do Professor oferecendo promoções em materiais de ensino.

Professores precisam dos seus materiais para conseguir dar uma boa aula e para fazer as invenções pedagógicas que as crianças tanto adoram. Essa é uma ótima oportunidade para dar descontos em itens como:

Dentre outros materiais. Dê grandes descontos e aproveite a data, que pode não ser feriado ou ponto facultativo, mas pode te fazer lucrar bastante.

Para mercearias e supermercados: Dia de São João

Feriados e pontos facultativos: prateleiras com artigos de festas

São João é um clássico. Quem nunca dançou uma quadrilha, pulou fogueira, comeu aquele milho verde cozido e bebeu quentão na barraquinha?

Você pode oferecer tudo isso dentro da sua loja, é só caprichar nas ações de São João, que é no dia 24 de junho.

Porém, o que muitas vezes acontece – e não tem nada de errado nisso – é fazer o mês inteiro dedicado para essa data, que apesar de ser bem importante para as culturas caipiras, não é feriado ou ponto facultativo.

Isso não acontece com todas as datas, e deve ser aproveitado. Desenvolva ações dentro da loja para dar o clima de festa junina, separe produtos específicos da festa – paçoca, pipoca, amendoim, canjica, etc. – e veja suas vendas aumentarem!

Para o Agrovet: Dia do Amigo

Feriados e pontos facultativos: cachorro em loja de departamento canino

O Dia do Amigo acontece no dia 20 de julho, e ele tem um lado inusitado que pouca gente anda percebendo: a possibilidade de fazer ações para os pets!

Quem é o melhor amigo do homem? Se você trabalha com uma loja que vende materiais para os bichinhos, vale a pena explorar bastante essa data. Ofereça promoções em coleiras, ração, banho, tosa e tudo o mais que for possível. Não é feriado nem ponto facultativo, mas pro seu amigão é!

“Ah Mart, mas quanto custa?” – você deve estar se perguntando. Custa nada! É só baixar no link aí em cima, imprimir e usar do jeito que você quiser. Pode ficar à vontade 😉

E aí, conheceu todos os feriados e pontos facultativos de 2019? A decisão de abrir ou não sua loja é inteiramente sua, mas ela deve levar em conta a experiência de compra dos seus clientes. Vamos saber mais sobre o tema? É só ir para o próximo artigo!


Deixe um Comentário!