Home Dicas Covid-19 Filmes de empreendedorismo para maratonar na quarentena
Em uma sala, homem está de costas para a foto. Ele está sentado em um sofá azul olhando para a televisão.

Filmes de empreendedorismo para maratonar na quarentena

0
704

Que tal usar a quarentena para maratonar alguns filmes de empreendedorismo?

 

É isso mesmo que você leu! Muitos empresários estão aproveitando esse período de comércio fechado ou com o movimento reduzido para reinventar o negócio, organizar a casa ou simplesmente investir em treinamentos e na motivação da equipe.

Esse período também pode ser preenchido com filmes de empreendedorismo para ajudar tanto você quanto sua equipe a atravessar esse momento de incerteza. É hora de usar a experiência de pessoas visionárias como inspiração para sair do isolamento com os ânimos renovados!

Pense na atividade como forma de aproveitar, da melhor forma possível, essa situação complicada. Aliás, essa é a lição que muitos filmes de empreendedorismo trazem, sabia? Então prepare a pipoca e veja só a seleção que preparei!

Em uma sala, homem está de costas para a foto. Ele está sentado em um sofá azul olhando para a televisão.

Filmes de empreendedorismo para maratonar na quarentena

Quando falo em treinamento e motivação, muitos varejistas respondem que é difícil encontrar uma brecha na rotina para atividades de capacitação. Os filmes de empreendedorismo são uma ferramenta simples para reforçar valores dentro da organização e a quarentena é o momento ideal para começar.

Para potencializar a mensagem, é importante destacar como as lições do filme podem ser incorporadas à realidade do negócio e reforçar esses pontos durante as reuniões periódicas com a equipe.

Já adiantei um pouco do seu trabalho e preparei uma lista com algumas dicas de filmes de empreendedorismo para inspiração. Para mais referências, acompanhe o Flix do Varejo, plataforma do Martins para varejistas que desejam aprender mais sobre seus negócios com informações e materiais exclusivos!

1) Fome de Poder (2016)

Homem de terno com os braços pra cima cercado de mulheres sorridentes em frente à fachada de uma filial do McDonald’s.

Fome de Poder mostra como o McDonald’s foi de uma lanchonete de beira de estrada, para a primeira e maior cadeia de fast food do mundo. Apesar de algumas controvérsias, todo empreendedor vai se identificar com a história de Ray Kroc, que enxergou no restaurante dos irmãos McDonald o potencial para revolucionar a alimentação dos americanos.

O diferencial estava no atendimento rápido e na qualidade dos produtos, além de um modelo de negócio eficiente, com custos reduzidos. O que Kroc agregou foi sua visão para reproduzir esse exemplo em larga escala, passando por várias tentativas e erros que aperfeiçoaram sua visão empresarial e seu entendimento das necessidades dos clientes.

Esse primeiro exemplo de filme de empreendedorismo mostra que não basta ter habilidade de vendedor se o produto não é atrativo para o público. Da mesma forma, até o melhor dos produtos perde o valor se ninguém está disposto a se renovar e reinventar, erro que tirou os irmãos McDonald da jogada.

Ray Kroc inspira por sua persistência, sempre disposto a enxergar oportunidades de crescer e nunca se acomodar. Essa é a mensagem pós-Covid-19 que sua equipe precisa!

2) À Procura da Felicidade (2006)

Dois homens de terno se olhando dentro de elevador.

É difícil não se emocionar com a história de Chris Gardner, milionário que chegou a morar na rua após perder tudo por conta de uma aposta mal calculada nos negócios. À Procura da Felicidade conta como ele saiu dessa situação e se tornou referência no mercado de ações.

Além da persistência, a história de Chris Gardner mostra a importância de ter metas bem definidas. Ele decidiu ser corretor ao ver um homem sair de uma Ferrari e perguntar sobre sua profissão: a partir desse momento, alcançar esse lugar tornou-se seu objetivo.

Gardner passava a noite em abrigos e usava banheiros de metrô. Sua aparência não era a de um candidato ideal para o mercado financeiro, mas por confiar em si e ter objetivos claros, ele conseguia convencer empresários do valor do seu trabalho e deu o melhor de si para superar as expectativas e apresentar resultados.

Diante dos desafios da pandemia, À Procura da Felicidade está entre os melhores filmes de empreendedorismo para compartilhar com a equipe!

3) Joy: O Nome do Sucesso

Atriz Jennifer Lawrence com a mão enfaixada puxando um fio de lã da cabeça de uma boneca.

As empresas servem para oferecer produtos e serviços que resolvam as dores de seus clientes. Joy: O Nome do Sucesso está entre os melhores filmes de empreendedorismo para ilustrar esse princípio.

Joy Mangano é a inventora do “Miracle Mop”, um esfregão projetado para resolver os problemas encontrados em outras versões. Ela era uma camareira cansada de se sujar, ou machucar as mãos na hora de torcer a ferramenta e usou essa dificuldade como inspiração para criar um esfregão que torcesse com pouco esforço.

Ela também inventou uma forma de apresentá-lo ao público, se tornando garota-propaganda de sua invenção. Na época, mostrou, em um programa de TV, como utilizá-lo e dialogou de forma direta com seu público-alvo ao apresentar o esfregão como uma solução para um incômodo enfrentado pelos consumidores.

Joy é uma ótima dica de filme de empreendedorismo, porque mostra o design thinking na prática e revela como o pensamento empreendedor não se limita a uma só área, mas deve estar presente em toda a cultura da empresa!

4) Jobs (2013)

Ator Ashton Kutcher debruçado sobre mesa olhando para um computador aberto.

Steve Jobs é um dos maiores empreendedores do mundo, o que faz da sua biografia essencial em qualquer lista de filmes sobre empreendedorismo. Em Jobs acompanhamos a trajetória do criador da Apple desde a faculdade, quando ele era apenas um jovem extremamente inteligente que ainda não sabia para onde direcionar seu talento.

A obra mostra a mente por trás de um império que revolucionou não só o mercado da informática, mas também o da música, do design e até do cinema. Steve Jobs é apresentado como uma figura perfeccionista e determinada, que acreditava em suas visões por mais à frente do próprio tempo que elas fossem.

O empreendedorismo visionário tem um preço, e Jobs também mostra como as relações de Steve foram afetadas por sua genialidade. No entanto, seu legado ainda inspira todos que buscam fazer a diferença sem medo do julgamento alheio.

5) Um Senhor Estagiário (2015)

Ator Robert de Niro e Anne Hathaway sorrindo um para o outro sentados em frente a um notebook aberto.

Embora não seja baseado em uma história real, Um Senhor Estagiário está entre os filmes de empreendedorismo por mostrar o potencial do e-commerce, a importância de boas parcerias e também como é possível reinventar a própria carreira mesmo após a aposentadoria.

Para driblar a solidão, o aposentado Ben vira estagiário em um e-commerce de moda que alcançou sucesso repentino graças à visão de sua criadora, a jovem Jules. Por seus anos de experiência, ele é colocado para trabalhar ao seu lado como secretário, mas logo ele se torna um conselheiro importante para auxiliar a empresária em um momento delicado de transição.

O filme mostra que tradição e inovação não são forças opostas, mas podem revelar um grande potencial se conciliadas de maneira inteligente. A experiência de Jules também mostra as dificuldades que uma mulher empreendedora enfrenta ao conciliar vida pessoal e profissional, e a importância de incentivar essas profissionais no mercado de trabalho.

Para quem está adaptando o negócio às novas demandas da pandemia, o filme é obrigatório!

Quem disse que não dá para conciliar empreendedorismo com entretenimento? Para mais dicas práticas como essa, não deixe de acompanhar a minha série sobre a COVID-19 aqui no Blog!