Home Destaque Marketplace B2B: venda sua marca no atacado
Carrinhos de supermercado enfileirados em três colunas.

Marketplace B2B: venda sua marca no atacado

0
197

Você sabe como funciona um Marketplace B2B?

O texto de hoje vai tirar todas as suas dúvidas sobre esse modelo de negócio, que nada mais é do que uma ferramenta criada para facilitar a comercialização entre empresas, uma alternativa especialmente interessante para vendas da indústria e compras no atacado.

Quando falamos em venda B2B, nos inspiramos no inglês para dizer que se tratam de negócios realizados de empresa para empresa, ou seja, business to business. Esse modelo é diferente do varejo tradicional, em que a relação fica entre comércio e cliente – do inglês, business to customers, ou B2C.

Mas você não veio aqui para decorar esse tipo de beabá, né? Nos próximos tópicos você vai entender a fundo o funcionamento do modelo tanto para quem vende, quanto para quem compra. E dependendo do seu caso, dá para se encaixar nos dois lados.

Carrinhos de supermercado enfileirados em três colunas.

O que é o Marketplace B2B?

Quando um hotel encomenda colchões de um fornecedor que trabalha com esse tipo de produto, ele está fazendo um negócio B2B. Mas se o hotel resolver comprar seus colchões em uma plataforma que reúne uma série de fornecedores (que chamamos de sellers), seja de colchões ou qualquer outra coisa, ele está comprando em um Marketplace B2B.

A experiência não é muito diferente do consumidor final que acessa a Amazon, por exemplo, para comprar um livro que está sendo vendido por uma livraria independente. A diferença é que o consumidor final do Marketplace B2B é uma empresa, que provavelmente busca produtos para revenda ou então insumos para a manutenção do negócio.

Como funciona o Marketplace B2B para os clientes?

Armazém de estoque de marketplaces B2B.

Grandes lojas online possuem como opção a compra por meio de uma plataforma Marketplace B2B e muitas vezes o cliente nem percebe a diferença.

Acessando o Martins.com.br, por exemplo, aquele hotel poderia comprar seus colchões diretamente da fabricante Ortobom, mas com toda a segurança e as vantagens do maior atacado distribuidor da América Latina. A única diferença estaria na seguinte informação presente na página: vendido e entregue por Ortobom.

Tanto a interface do site quanto a plataforma de compras são uma só, onde o consumidor tem acesso a todos os produtos disponibilizados pelos sellers daquele marketplace. Ao escolher suas mercadorias, ele não é redirecionado a um e-commerce específico e pode fechar a compra ali mesmo, com toda a segurança garantida pela infraestrutura da plataforma.

No entanto, quem alimenta as informações, fornece os produtos e se responsabiliza pela entrega é a loja parceira. Mas fique tranquilo: todos os sellers passam por um rígido processo de seleção e avaliação – e cada Marketplace possui seus critérios para selecionar os lojistas mais qualificados.

Como funciona o Marketplace B2B para os lojistas?

Para os lojistas, esse Marketplace ganha outro formato. Depois de ser aprovado pela plataforma e ganhar o status de seller, o lojista parceiro tem acesso a uma interface onde ele pode cadastrar seus produtos, além de um painel completo para monitorar suas vendas.

Quem está dando os primeiros passos no mercado consegue “avançar várias casas” de uma vez só, já que através do Marketplace B2B é possível anunciar seus produtos com destaque dentro de um e-commerce reconhecido, com milhares de acessos diários, reduzindo uma série de custos com divulgação e também despesas operacionais.

Cabe a você “apenas” a tarefa de oferecer um bom produto e garantir uma entrega segura.

Pessoas com as mãos unidas em gesto de parceria

O que eu preciso para começar?

Os documentos necessários para o cadastro em um Marketplace B2B variam de empresa para empresa, mas posso garantir que todas elas vão exigir pelo menos um CNPJ. Antes de começar a parceria, também é importante se certificar que todos os seus impostos estão em dia, já que esse é um dos critérios que a maioria das plataformas usa para validar seus sellers.

Na hora de selecionar a plataforma, é importante dar uma olhada nas exigências e ver qual delas se adequa melhor à realidade do seu negócio.

Com a documentação em dia, é hora de preparar e adaptar seu e-commerce para a entrada no universo Marketplace B2B. O elemento mais sensível é o estoque, que deve estar preparado para o aumento nas demandas.

Se toda essa preparação está sendo feita para que você possa vender mais, é preciso que sua estrutura esteja à altura. Possuir itens de pronta entrega é um dos melhores recursos para obter bons feedbacks e ganhar visualização dentro da plataforma, assim como uma logística de entregas eficiente.

Também é importante ter um sistema de integração de estoque para que seus produtos possam ser disponibilizados no Marketplace B2B. Caso ainda não tenha automatizado esse processo, é necessário ter uma planilha bem completa com todas as mercadorias listadas – quanto mais caprichada for a descrição, maiores são as chances de fisgar o consumidor.

Marketplace B2B do Martins? Já quero!

Para começar com o pé direito, que tal apostar no Marketplace B2B que nasceu dentro do maior atacadista distribuidor da América Latina? Estou falando do Martins, claro, porque se tem algo que a gente entende, é de varejo, o que faz com que sejamos a melhor referência possível para você começar a fazer negócio com outras empresas.

Com as lojas parceiras, nossa estrutura se torna mais dinâmica e aberta para uma série de lojistas, além de oferecer muito mais variedade e qualidade para nossos clientes do varejo.

Para começar agora mesmo, basta acessar o site e dar entrada no cadastro usando o CNPJ. Logo nossa equipe entrará em contato para te explicar os detalhes sobre o funcionamento do Martins Atacado, alinhando seus interesses com as estratégias da empresa.

Vem ser nosso cliente também!

Um dos grandes diferenciais do Marketplace B2B para os lojistas é que além de seller você também pode usufruir de todos os benefícios dos clientes Martins como comprador. Quem compra nas Lojas Parceiras do Martins tem direito às mesmas vantagens daqueles clientes que fazem negócio direto com o Martins Atacado: frete grátis, cashback e promoções exclusivas.

Clientes do Marketplace B2B também são elegíveis para participar do BEM, o primeiro programa de relacionamento do atacado brasileiro. A cada compra, os parceiros acumulam pontos que podem ser trocados por descontos, porcentagem do dinheiro de volta e até consultorias e treinamentos especiais.

Para se cadastrar, é ainda mais fácil: basta ter um CNPJ (clientes de Uberlândia e São Paulo podem se inscrever até com CPF), e-mail de contato e aguardar a confirmação. Simples assim!

Banner divulgação BEM do Martins. Imagem de mulher segurando cartão e ao lado o texto: Compre e receba cashback pelo BEM.

Recapitulando…

Para garantir que nenhuma informação passe batido, vamos recapitular os principais pontos do texto?

  • O que é Marketplace B2B: plataforma que faz o intermédio da comercialização entre empresas, como um shopping virtual, onde empresas fazem negócio com outras empresas para comprar produtos para revenda ou insumos para manutenção própria.

  • Quem pode vender: empresas que desejam expandir seu público-alvo alcançando outras empresas do mercado.

  • Quem pode comprar: qualquer pessoa jurídica que deseja concentrar suas compras em uma única plataforma ou contar com a segurança de uma grande empresa para fechar negócio com fornecedores menores.

  • O que eu preciso para vender: os requisitos variam de acordo com a plataforma, mas o principal é um CNPJ válido e uma planilha com todos os produtos que serão disponibilizados.

Então, sabendo de tudo isso, o próximo passo é fazer seu cadastro no site do Martins e conferir todos os detalhes para começar a vender no nosso marketplace.

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.