Home Destaque Materiais para construção em mercearias? Pode apostar na tendência!
Prateleira colada à parede com várias ferramentas penduradas. Um braço retira o martelo do seu lugar.

Materiais para construção em mercearias? Pode apostar na tendência!

0
306

Com as cidades cada vez maiores e a rotina cada vez mais corrida, as mercearias de bairro passam a ser protagonistas em conveniência e proximidade, tanto para compras rotineiras ou de emergência.

 

E a palavra da vez é essa: conveniência. Sendo um dos recursos mais buscado pelos clientes, junto com atendimento e praticidade, as mercearias que oferecem produtos mais variados acabam saindo em vantagem. Além de alimentos, padaria e produtos de higiene e beleza, alguns comerciantes mais espertos já saíram na frente: viram nos materiais para construção um diferencial.

Duvida da ousadia? Saiba que a tendência de um “Cantinho da Construção” veio pra ficar no varejo!

Prateleira colada à parede com várias ferramentas penduradas. Um braço retira o martelo do seu lugar.

Materiais para construção em mercearia? A conveniência explica!

Imagine a situação: você mora em um local distante de qualquer casa de materiais de construção e a torneira da sua cozinha quebra em pleno domingo às 10 da manhã. O supermercado também está bem longe, seu bairro é primariamente residencial. E aí? Como fica o almoço em família?

É nessas horas que as mercearias e mercadinhos facilitam o dia a dia de todo mundo. Eles estão por todos os lados, inclusive nos bairros mais residenciais, distantes do centro. Esses comércios salvam os clientes quando eles precisam de compras rápidas, muita variedade e especialmente em situações de “preciso comprar uma torneira agora e o feijão está no fogo!”.

Só por isso já podemos ver que o maior diferencial da mercearia é oferecer a oferta certa para a população local. E é por isso que a variedade é tão importante: pessoas precisam de muita coisa e vão com certeza procurar por elas primeiro nos estabelecimentos mais próximos.

Por esse motivo, oferecer materiais para construção na sua mercearia é um ótimo negócio. Torneiras, juntas de encanamento, colas especiais, fitas para vedação e qualquer outro instrumento básico para reparos de emergência pode salvar seus clientes na hora do aperto, gerando uma consideração ainda maior com o seu negócio e fidelizando a clientela.

O mercado de materiais para construção deve crescer em 7% até 2022

É isso mesmo o que você leu. Segundo uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas, o mercado de varejo na construção deve sofrer uma expansão anual de 3% até o ano de 2022. Essa expansão está prevista por causa da expansão no mercado imobiliário e de construção civil, que já representa 6% do PIB anual no Brasil.

Mais que isso: em relação a 2017, o ano passado foi um verdadeiro campeão, crescendo incríveis 6,5% – o que representou R$ 122 milhões de Reais, segundo a ANAMACO.

Os motivos? Mais casas sendo construídas, mais moradores por perto, mais reformas e pequenos reparos acontecendo. Por isso, oferecer materiais para construção na sua mercearia é um bom negócio e vai representar um crescimento visível nas suas vendas.

Tudo bem, então realmente vale a pena investir nesse mercado, mas vender o que? Descubra no próximo tópico!

Carrefour bairro visto de fora, com a porta aberta, e um letreiro de neon que diz “Aberto 24hs” colado no vidro da porta.

Quais materiais para construção oferecer?

Com todos os números que apresentamos, você já entendeu que não pode deixar de vender materiais para construção na mercearia. Mas junto com a vontade, vem a dúvida: o que é que eu devo vender?

Antes de fazer o seu estoque, observe os tipos de construção que existem por perto e a rotina das pessoas. Esse é o tipo de observação que pode ser feita facilmente, observando os hábitos de compra e os produtos buscados na sua loja.

E também é necessário entender suas limitações de espaço. Não adianta querer vender sacos de cimento se você não tem onde guardá-los. Maquinário? Mesmo os menores custam bem caro pra você e a certeza de vendas é baixa.

O melhor é inicialmente oferecer produtos mais básicos e ir sentindo o mercado. Para começar, veja nossas sugestões.

Ferramentas básicas

Na sua mercearia, você pode oferecer ferramentas básicas para reparos. Prefira as ferramentas avulsas no lugar dos kits. Alguns itens que você pode oferecer, são:

Materiais elétricos

Mulher testando tomada com um multímetro. Há um pequeno buraco na tomada. A mulher está suja de tinta e usa luvas.

Imagina só, você vai tomar um banho relaxante e o chuveiro queima? Ou você chega em casa e percebe que o interruptor de luz está quebrado e você precisa iluminar o ambiente de forma imediata? Poder encontrar produtos como esse na mercearia do lado de casa seria perfeito, não é?

Você pode oferecer os kits de montagem de interruptores e caixas de energia, disjuntores, fiações, lâmpadas, chuveiros, resistência para chuveiros, fitas isolantes e muitas outras opções para ajudar os seus clientes em pequenos reparos no sistema elétrico de casa.

Materiais hidráulicos

Chuveiro ligado visto de baixo, com água espirrando para todos os lados.

Opções como torneiras, registros, encanamentos e juntas, e fitas de vedação, colas e outros produtos de acabamento hidráulico podem ser facilmente armazenados e vendidos na sua mercearia.

Além disso, você pode fechar parcerias com fornecedores de materiais como areia, cimento, azulejos e pisos, para os reparos mais pesados. Assim, você não precisará armazenar esses produtos no seu estoque, mas poderá ajudar os seus clientes nas horas de sufoco.

Oferecer um bom mix de materiais para construção na sua mercearia, pode representar um crescimento de negócio e é uma ferramenta de fidelização da clientela.

Mas onde eu coloco tanto produto? No Cantinho da Construção!

“O que complica”, você deve estar pensando, “é encontrar espaço pra colocar tanto material de construção”. É uma dúvida válida, mas até em espaços pequenos dá pra criar um ambiente propício para a venda de materiais de construção.

O segredo está na criatividade e na organização da sua gôndola.

Como a gente já disse, não vale a pena oferecer produtos grandes demais. Ninguém vai à sua mercearia comprar um milheiro de tijolos ou um saco de cimento. Se você investe em produtos pequenos, fica fácil criar um Cantinho da Construção e vender seu mix inteiro em uma única gôndola. Veja só alguns passos para te ajudar:

  • Separe uma área com 1,5 m de largura para a instalação da gôndola;
  • Separe, à frente, mais 1,5 m para o acesso à ela e para a escolha dos clientes;
  • Divida as prateleiras – ou sessões de produtos pendurados – de acordo com a sua finalidade e saída. Elétricos no meio, hidráulicos abaixo deles, jardinagem na parte mais baixa (pelo peso) e produtos de artesanato acima.
  • Deixe o acesso até o cantinho livre e evidente;
  • Monitore as vendas e faça ajustes de acordo.

Por hoje, terminamos aqui, mas esse assunto ainda tem muita conversa boa, amigo varejista!

Enquanto isso, que tal dar uma olhada nos produtos que toda loja de construção deve ter? Assim você já entende o que dá pra vender na mercearia.

Até a próxima!

Deixe um Comentário!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome