Home Destaque Como melhorar o atendimento para o Dia das Mães rapidamente?
Várias sacolas de presente: algumas na cor parda, outras vermelhas; todas têm uma etiqueta na alça e papel saindo de dentro.

Como melhorar o atendimento para o Dia das Mães rapidamente?

0
51

O Dia das Mães está chegando e você precisa estar bem preparado para aproveitar essa oportunidade. A data é uma das mais importantes do ano para o comércio e, para se destacar entre a concorrência nesse dia, a atenção ao atendimento ao cliente é essencial. O serviço deve ser excelente para fazer as vendas decolarem.

Não tinha pensado nisso? Será que ainda dá tempo de melhorar o atendimento antes dessa data especial?

Sim, é possível. Aliás, nós desafiamos você a melhorar o atendimento do seu negócio da noite para o dia! Você só vai precisar seguir com dedicação as dicas deste post. Vamos começar?

sacola-presente-atendimento-dia-das-m-es

1. Conhecimento

Um bom atendimento só é possível se a equipe conhece bem a loja: os produtos, os processos, as rotinas, etc. Do contrário, os atendentes não vão conseguir ajudar e orientar os clientes. Por isso, é preciso realizar treinamentos para melhorar o serviço da sua empresa.

É claro que não adianta fazer apenas um treinamento e achar que tudo está resolvido, porque as coisas mudam e a equipe também; então, o certo é treinar periodicamente o time, criando um plano de profissionalização dos funcionários. Além disso, realizar um aquecimento antes do Dia das Mães já vai ajudar a melhorar o atendimento!

quadro-branco-melhorar-o-atendimento-dia-das-m-es

2. Padronização

Imagine só: um cliente entra na sua loja e é atendido pelo funcionário A, que faz o atendimento de um jeito. Ele volta no dia seguinte e é recebido pelo funcionário B, que faz tudo diferente.

Naturalmente, ele vai comparar as duas experiências – e não importa qual seja a comparação, o cliente sempre vai sair achando que teve uma experiência melhor e outra pior, ainda que os dois atendimentos tenham sido bons.

Para evitar esse tipo de situação e preparar a equipe para o Dia das Mães, é necessário padronizar o atendimento. Não se trata de criar um roteiro palavra por palavra, mas sim de definir uma abordagem que todos os vendedores deverão adotar. É preciso estabelecer a rotina, os passos que vão do ponto em que o cliente entra na loja até o momento em que ele sai com a compra.

3. Argumentação

O atendimento envolve argumentação entre o vendedor e o cliente, sendo essa a chave para gerar mais vendas. Existem diferentes estratégias de argumentação: que tal conhecer algumas?

Vendas Emocionais

As vendas emocionais buscam tocar em emoções fundamentais do cliente para convencê-lo a comprar.

Um dos melhores exemplos é a urgência: uma das formas de persuadir o cliente a comprar é convencê-lo de que se ele não levar aquele produto para casa naquele momento, vai perder uma grande oportunidade. As emoções são ativadas pela linguagem verbal, as palavras, e não-verbal, os gestos e a expressão facial, do atendente.

Essas vendas emocionais estão relacionadas com gatilhos mentais e, entre esses estímulos, a escassez – “tem pouco”, “falta pouco tempo” – é o que mais faz sentido para argumentos de venda. Incorporar isso ao atendimento, sem parecer apelativo, requer muita técnica e a ajuda dos seus vendedores.

Cross-selling

Outra alternativa é o cross-seling ou venda cruzada, que consiste em oferecer ao cliente produtos que estejam relacionados com um item que ele já está comprando.

A argumentação, nesse caso, deve convencer o cliente de que, se ele levar os dois produtos juntos, vai ter ainda mais benefícios.

4. Observação

Talvez a observação seja a técnica mais simples para melhorar o atendimento, mas também uma das menos utilizadas.

Muitos vendedores pensam que a estratégia certa é falar, falar e falar mais, tentando convencer o cliente a comprar. Mas o resultado disso é quase sempre o oposto do desejado: o cliente fica incomodado e se fecha.

Se esses vendedores apenas dedicassem algum tempo a observar e ouvir o cliente, poderiam entender quais são suas verdadeiras intenções e necessidades. Aí então, na hora de argumentar, seriam mais certeiros.

gar-om-bandeja-melhorar-o-atendimento-dia-das-m-es

5. Exclusividade

Você já foi a algum daqueles restaurantes em que o garçom responsável pela sua mesa trata você como se fosse o cliente mais importante do estabelecimento? Ele sugere pratos, volta várias vezes para saber se você está gostando da refeição, traz petiscos, um bom vinho de cortesia, etc.

Talvez esse nem seja o melhor restaurante, mas você volta a ele – simplesmente por causa do tratamento exclusivo.

Esse é o tipo de atendimento que precisa ser oferecido no seu negócio: todo cliente deve ser tratado como um VIP. Com certeza, isso não vai apenas aumentar suas vendas no Dia das Mães, mas também fará com que os clientes voltem muitas outras vezes!

Gostou das cinco dicas? Com elas, você vai melhorar o atendimento rapidamente e trazer mais vendas para o Dia das Mães. Além disso, o serviço de qualidade viabiliza outras vantagens, como a fidelização dos clientes e a construção de uma boa reputação para o seu estabelecimento.

Quer outras dicas para aproveitar o potencial do Dia das Mães e aquecer as vendas? Confira o que dizem as pesquisas de intenção sobre essa data!

Deixe um Comentário!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome