Home Destaque Mercearia MEI vale a pena? É possível?

Mercearia MEI vale a pena? É possível?

0
7176

Ter uma mercearia MEI é ideal para quem vende poucos produtos mas ainda assim precisa de um respaldo jurídico para emitir notas fiscais e contratar alguém pelo regime CLT. Com uma razão social, tudo isso se torna possível com mais segurança e de acordo com a lei.

Uma mercearia MEI é o ideal para quem está buscando a formalidade e os benefícios que uma razão social podem oferecer. E acredite: eles não são poucos. Tanto que hoje no Brasil já são cerca de 7 milhões de MEIs cadastrados no sistema. Um número bastante expressivo, e não é à toa.

Neste artigo você descobre o motivo de tanta gente optar por esse regime e buscar na mercearia MEI uma alternativa para iniciar o seu pequeno negócio. Tudo pronto? Então vamos lá!

Quais as vantagens de ter uma mercearia MEI?

Ser uma mercearia formalizada como Microempreendedor Individual – que é o que MEI significa – traz grandes vantagens para o seu negócio.

A maior deles com certeza é a emissão de notas fiscais com CNPJ e sua razão social. Esse passo demonstra a formalização do negócio, que passa a ser reconhecido com mais autoridade entre os seus clientes e fornecedores.

Além disso, com o CNPJ é possível comprar em grandes atacadistas, o que diminui bastante o preço das compras. Mas ao mesmo tempo, é necessário pesquisar bem antes de fazer as compras: só alguns fornecedores – como o Martins.com.br – possuem condições específicas para mercearias MEI, então fique de olho!

Contratando um funcionário

Outra grande vantagem que a mercearia MEI possui é a possibilidade de contratar até um funcionário e se desenvolver com ele dentro de todas as recomendações legais.

Merrcearia MEI com produtos expostos

Se você opera na informalidade, ter alguém prestando serviços pra você é um grande risco perante o ministério do trabalho. A multa é alta, e em casos de processos trabalhistas, seus gastos também vão ser bem grandes.

Para garantir que o seu negócio funcione bem ao mesmo tempo em que você respeita todas as leis, o melhor é optar pelo MEI para a sua mercearia e fazer a contratação.

Benefícios do BNDES

A mercearia MEI ainda conta com outro grande benefício: a possibilidade de conseguir pequenos empréstimos e os benefícios do BNDES, reservados às pessoas jurídicas.

A sua mercearia MEI é reconhecida como um negócio legítimo aos olhos da lei, pois possui razão social e CNPJ. Assim, os benefícios oferecidos para pessoas jurídicas também podem ser conseguidos por mercearias MEI. Dessa forma, fica fácil conseguir

Um ótima oportunidade para a sua mercearia MEI crescer, não é?

Condições especiais em bancos

Os benefícios do BNDES são uma grande vantagem, mas as condições especiais em bancos também são grandes atrativos. Especialmente aquelas instituições que estimulam o crescimento de pequenos empreendedores e que são mais voltadas para o varejo, como o Tribanco.

É possível conseguir financiamentos para desenvolver o seu negócio ou empréstimos para momentos específicos, como um mix para as festas juninas, um investimento a mais no marketing na época de copa do mundo, etc.

Os empréstimos do Tribanco podem ir de R$ 5 mil até R$ 60 mil, de acordo com o que você precisa. O financiamento pode ser contratado para realizar pagamentos à vista para os seus fornecedores e pagar à prazo para o Tribanco. Comprou? O Tribanco paga e depois vocês se acertam!

Como cadastrar a minha mercearia MEI?

Cadastrar a sua mercearia como MEI não tem muito segredo. O processo é simples e todos podem fazê-lo a qualquer hora pela internet.

É só acessar o Portal do Empreendedor e fazer a sua requisição. Mas tome cuidado! Existem outros sites que cobram para fazer o MEI, enquanto o Portal do Empreendedor do governo mesmo não cobra nada. Procure pelo .gov no final do link: se não tiver, você pode estar sendo enganado.

Pessoa usando um notebook para cadastrar a mercearia MEI

Documentos e recomendações

Você não precisa de muito para abrir o seu MEI. Veja só os documentos necessários:

  • Número do CPF, Título de Eleitor ou a última declaração de imposto de renda, se você declarar;
  • CEP da sua casa e da sua mercearia;
  • Número de celular.

Só isso! Com esses documentos você já consegue abrir sua mercearia MEI em poucos minutos. Mas olhe algumas recomendações que você precisa saber antes de iniciar o processo:

  • O limite em 2018 para os ganhos da mercearia MEI é de R$ 81,000;
  • É necessário pagar uma taxa de cerca de R$ 50,00 todo mês;
  • É preciso consultar sua prefeitura para ver se você pode abrir a mercearia MEI no local escolhido;
  • Se seu nome estiver vinculado a outro CNPJ, você não pode abrir o MEI;
  • Funcionários públicos também não podem abrir a mercearia MEI;
  • Se você está recebendo algum auxílio, como licença maternidade, aposentadoria por invalidez, auxílio doença, etc., você pode perdê-lo ao abrir sua mercearia MEI.

Parceria com o Martins.com.br

O Martins.com.br é seu grande aliado para montar a mercearia MEI.

Além de oferecer o melhor possível em questões de condições de pagamento (aceitamos crédito, débito, boleto, pagamentos pelo BNDES e tudo o mais que você imaginar), no Martins.com.br você pode inclusive já montar toda a loja.

Nós oferecemos impressoras, gôndolas, displays, carrinhos de compra, etc. E depois de comprar tudo para a loja funcionar, nós temos 15.000 itens no nosso mix só esperando o seu pedido para fazer o estoque.

Monte sua loja agora e já faça seu estoque!

Para aproveitar todas as vantagens de ter uma mercearia MEI, é só se formalizar! O processo é simples e pode ser feito inteiramente online pelo Portal do Empreendedor. Que tal já começar agora? Se tiver alguma dúvida, fale com a gente aqui no Fala Mart que nós podemos te ajudar!

Para fazer compras no Martins.com.br, você também precisa da Inscrição Estadual. Não sabe como fazer? Então fique de olho no Fala Mart que na semana que vem temos um artigo te esperando, ok?

Vamos caminhar juntos!