Home Destaque O que as Olimpíadas de Tóquio têm a ver com a sua...
símbolo das olimpíadas de Tóquio

O que as Olimpíadas de Tóquio têm a ver com a sua loja

0
244

Se é para vender mais, sempre que tem uma data especial a gente faz o que é possível para aumentar os lucros. E já anota aí: neste ano tem uma nova sazão que precisa ser acrescentada ao calendário: as Olimpíadas de Tóquio.

Os jogos olímpicos acontecerão de 24 de julho a 9 de agosto. A competição é uma ótima oportunidade de vendas para supermercados e lojas do varejo eletro, já que as partidas são sempre um evento – mas claro, respeitando as normas e recomendações da Organização Mundial de Saúde.

Desta vez ainda contamos com o cenário de home office, e já que tem muita gente em casa, aquela paradinha básica nas atividades vai ser essencial para acompanhar uma modalidade ou outra. Para os que continuam no trabalho, as empresas costumam destinar intervalos no expediente para que os colaboradores possam acompanhar os jogos.

São milhões de torcedores ansiosos pela competição e isso acaba estimulando as compras. Vamos saber então que mix é ideal para esse período e quais estratégias você pode usar na loja para faturar mais!

Hora de vender TV e tudo mais

A competição tem tudo a ver com o segmento de eletro. É hora de planejar as estratégias de vendas voltadas para as olimpíadas e, em seguida, paralimpíadas no Japão – que começam logo depois das olimpíadas e terminam em 5 de setembro.

Os dois eventos multiesportivos mobilizam milhões de torcedores em todo o país. Para aqueles que amam o mundo dos esportes, o momento é épico e contagiante. Os consumidores vão querer melhorar o ambiente corporativo e residencial para não perder nenhuma conquista de pódio brasileiro.

Por isso, nessas épocas de competições mundiais, há uma tendência forte para o aumento das vendas de TVs e monitores, projetores, som, soundbar, acessórios e outros dispositivos eletrônicos que ajudam a equipar a aparelhagem audiovisual.

Algumas sugestões para você:

Mercado de televisores

Pra você ter ideia do potencial mercado em tempos de competição, a Samsung Brasil informou que o mercado de televisores teve aumento de 23% no ano da Copa do Mundo (2018) em comparação com o ano anterior. A produção industrial da categoria também cresceu cerca de 6% no período.

E se tem oferta, é porque a demanda também é maior.

Além disso, o momento já é muito propício para o comércio e especialistas já vinham sinalizando uma retomada das vendas para o segundo semestre. Otimismo é sempre bem-vindo!

Cada vez mais o cliente tem buscado tecnologias avançadas para seus equipamentos eletrônicos. No caso de televisores, é sempre bom oferecer opções de fabricantes, polegadas, resolução e de preferência com as funcionalidades essenciais. Nesse quesito, as smartTVs caem na preferência:

Varejo alimentar na mira

Homem com lista de compras em supermercado

O avanço da campanha nacional de vacinação contra a Covid-19 em todo o país, neste próximo semestre, também alimenta boas expectativas para esse período de vendas. Os familiares e amigos mais próximos, já imunizados e ainda assim mantendo os cuidados de higienização e uso de máscaras, vão querer se reunir principalmente nos fins de semana olímpicos.

E como falei acima, muitas empresas aproveitam o clima de olimpíadas para proporcionar momentos de lazer e descontração para os colaboradores. E aqui entra a representatividade do varejo alimentar. Os famosos “comes e bebes” são garantidos para uma torcida à altura, mesmo que pequena, sem aglomeração.

Pipoca, snacks, doces, produtos para preparo de sobremesas, itens de churrasco e bebidas em geral não faltarão nesse cardápio. Aproveitando que o mercado cervejeiro segue em alta, a cervejinha gelada não pode faltar na caixa térmica e na geladeira do consumidor. Então… atenção ao estoque de bebidas:

Em 2018, a venda de cervejas nos supermercados brasileiros aumentou em até 50% nos dias de jogos do Brasil. Esse é um bom parâmetro para se atentar aos dias das disputas coletivas da seleção brasileira (vôlei, futebol etc) para focar nas ações de vendas de bebidas.

Houve ainda grande procura por carnes e amendoim. Os aperitivos como salaminho, presunto, queijos e peças de bacon são opções que costumam ter bastante procura para essas ocasiões. Fica a dica!

Você pode aproveitar um cantinho especial no PDV para incentivar a venda de produtos para o almoço ou churrasco completo para acompanhar as Olimpíadas de Tóquio em família. Olha só as sugestões:

Dicas para vender nas Olimpíadas de Tóquio

Além de preparar o sortimento para o período, algumas ações fundamentais para promover mais ainda a sua loja e os seus produtos visando as olimpíadas. Quer ver só?!

1. Decoração é alma do negócio

Deixe a sua loja no clima das olimpíadas. A decoração pode ser feita a sua escolha, mas a minha dica é explorar o verde amarelo, bandeiras do Brasil ou das diversas outras seleções participantes do evento multiesportivo. Caso não seja possível fazer uma decoração ampla no interior da loja, foque na fachada e em uma vitrine bem chamativa.

2. No clima do Japão

Você ainda pode colocar televisores em locais estratégicos da loja sintonizados nos canais de transmissão dos jogos. Ou talvez criar um ambiente com a temática japonesa para que ele se sinta em Tóquio acompanhando os jogos.

3. Produtos em destaque

Ainda falando em layout, aposte em ilhas de produtos que vão vender mais nesta época. Siga as listas com sugestões que já falei acima! Pipoca, salgadinhos e aperitivos, refrigerantes e bebida alcoólica não podem faltar, hein?!

4. Ofertas personalizadas são bem-vindas

As ações promocionais focadas no tema olimpíada são importantíssimas para ajudar. Faça cartazes ou panfletos remetendo as ofertas ao momento olímpico: “assista as Olimpíadas na TV nova”, “garanta o churrasco para assistir aos jogos do Brasil”, etc.

Faça promoções para que ele leve kits ou o combo para torcer em casa como o “Compre a TV e o churrasco é por nossa conta”, “compre dois fardos de cerveja e leve o refrigerante de 1 litro”. Toda a criatividade é válida na hora de pensar em aumentar o faturamento!

5. Atividade constante nos canais digitais

Direcione estratégias também para as redes sociais. Mais do que postar apenas ofertas, crie conteúdos personalizados para as publicações. Pode ser curiosidades sobre as olimpíadas, cronograma de jogos e disputas do Brasil nas diversas modalidades. Até divulgar os medalhistas pode ser uma boa para melhorar o engajamento da loja.

Faça sorteios nas redes sociais ou até mesmo enquetes com brindes para quem acertar a resposta primeiro. Esses prêmios podem ser retirados na loja e essa ida ao seu varejo acaba estimulando novas compras.

Posts interativos também podem ser explorados. Por exemplo: Quem leva a medalha hoje, [nome] ou [nome]? Alguém sabe quantas medalhas o atleta [nome] tem na carreira? Quantas modalidades são disputadas nas Olimpíadas? Aí é só intercalar com as ofertas e o mix para que os clientes lembrem de se prepararem para as próximas provas ou jogos que querem assistir.

Já comece a se planejar agora mesmo. E ó, conte com o Martins para abastecer seu estoque durante as Olimpíadas de Tóquio!

Até a próxima!