Home Destaque Vender muito e faturar alto: desvende a precificação no varejo

Vender muito e faturar alto: desvende a precificação no varejo

0
61

Vender mais é o objetivo de todo varejista. Porém, existe uma diferença básica entre vender muito e faturar alto, e ela está diretamente relacionada à precificação no varejo.

precificação no varejo: notas na mão enroladas

Você pode ser o campeão de vendas no seu segmento, no seu bairro ou até na sua cidade inteira. Pode ter uma quantidade enorme de clientes fidelizados, a melhor estrutura, um sistema de delivery e tudo mais.

Você pode estar com a loja aberta há anos. A precificação no varejo, em todos esses casos, é a maior garantia de ir além de vender e cativar clientes: é através dela que você consegue lucrar.

E nem estamos falando sobre lucros altíssimos nem nada, estamos conversando sobre o seu dia a dia mesmo. Com a precificação no varejo, tudo o que você vende tem uma finalidade: a lucratividade. Todos os seus esforços e cálculos vão permitir que você venda muito e que cada uma dessas vendas seja um passo certeiro na direção de lucros garantidos.

Como fazer a precificação no varejo?

É tudo na base da calculadora e do trabalho duro. Mas veja bem, não é que é difícil, só dá um pouco de trabalho mesmo.

precificação no varejo: vinhos em prateleira com preços

Para realizar bem a precificação no varejo, você precisa entender basicamente quais são os seus gastos e como eles impactam suas vendas. É com isso que você consegue definir um preço mínimo para não sair no prejuízo. Mas não ficar no preju é uma coisa, lucrar já é outra completamente diferente.

A precificação no varejo também está preocupada com a sua margem de lucro. Você define uma porcentagem e a insere em uma fórmula simples, e com ela consegue calcular o preço mínimo de um determinado produto ou serviço para lucrar na porcentagem escolhida.

Olha um exemplo. Vamos supor que você quer precificar seus produtos de limpeza OMO. Você definiu que deve vender uma caixa de sabão em pó a R$ 10,00 para não sair no prejuízo. Se você quiser uma margem de lucro de 20% em cima desse produto, precisa colocar esse índice no seu cálculo também.

O que vai nesse cálculo?

O cálculo de precificação no varejo é basicamente a razão entre o preço unitário do produto, suas despesas e a margem de lucro que você define.

As despesas fixas são aquelas que estão atreladas ao seu negócio e que vão vir todo mês ou com uma boa frequência. É o exemplo do aluguel, das contas, de manutenções periódicas, salários dos colaboradores, etc.

As despesas variáveis, a segunda parte do cálculo de precificação no varejo, são despesas mais relacionadas com a própria venda. É o caso da comissão dos funcionários, do custo de entrega, preço de embalagem, etc.

precificaçõ no varejo: vários números em tela branca

Esses são os principais ingredientes do cálculo de precificação no varejo. Entendê-los é simples, a parte trabalhosa é só aplicar fórmulas para descobrir esses índices.

A terceira parte é a melhor: estipular a margem de lucro. Essa é você quem define através de observações do mercado e as estratégias da sua empresa. Lembra lá daquele sabão em pó OMO do exemplo? Você fez todos esses cálculos e descobriu que, para ter 20% de lucro, vai precisar vendê-lo a R$ 17,00. O problema é que a concorrência vende a R$ 12,00. E aí?

Não dá. Nesses casos, como na maioria deles, a estratégia de precificação no varejo é mais importante do que entender o valor mínimo para não ficar no prejuízo. Se no mesmo exemplo a concorrência vende o sabão a R$ 20,00, você pode até seguir com R$ 17,00 para ser competitivo, mas se ficar barato demais você entra num paradoxo: vende muito, mas lucra pouco.

Como fazer todo esse trabalho?

Ficou muito confuso? Nós temos a solução que você precisa para entender tudo e começar a precificar seus produtos agora mesmo. E escuta essa: é de graça!

Nós juntamos nossos especialistas e elaboramos o Guia Completo da Precificação no Varejo, um apoio pra você conhecer as fórmulas, entender o que vai nelas e, acima de tudo, como aplicá-las na prática.

ebook guia completo da precificação no varejo

Tudo isso só pra você lucrar. A precificação no varejo é muito importante pro seu negócio e a gente aqui no Martins sabe disso. Nosso maior objetivo é te ver crescer, e essa foi uma das maneiras que encontramos para te ajudar, amigo varejista. Esperamos poder realmente te ajudar com o nosso guia!

 

E aí, vamos baixar o Guia Completo da Precificação no Varejo? Ele é grátis e está esperando por você nesse momento. Tá esperando o que?

Até a próxima!


Deixe um Comentário!