Home Destaque Como montar um cronograma de treinamento para supermercado
ilustração em vetor de trabalhadores em supermercado

Como montar um cronograma de treinamento para supermercado

0
111

O treinamento para supermercado é uma forma de capacitar os colaboradores, falar a mesma linguagem entre todos e buscar atingir as metas da loja em equipe. Por meio da capacitação profissional você consegue transmitir os objetivos da empresa e atualizar-se sobre os processos dos negócios.

Por aqui você já acompanhou como garantir uma boa capacitação a custo zero. Agora quero te ajudar a montar o próprio treinamento para seu supermercado, para poupar investimentos altos e obter melhores resultados.

O treinamento corporativo ajuda você a desenvolver as habilidades dos funcionários e valorizá-los dentro do ambiente profissional. Colaborador motivado a produtividade é garantida. E os benefícios para sua loja vão vir nos números do mês.

O clima na empresa com certeza também vai melhorar e os seus funcionários ficarão mais confiantes para desempenhar as funções. Além disso, vão te ajudar na prospecção das vendas e captar mais clientes a partir de um bom atendimento.

A gente sabe que em grande parte dos casos a rotatividade de funcionários é muito grande no varejo ou até mesmo entre as funções nos departamentos.

Contar com o próprio treinamento para instruir os veteranos e os novos funcionários vai te fazer ganhar tempo. Além de colocar a equipe em sintonia sem tantos esforços repetitivos.

No fim das contas os treinamentos acabam reduzindo a rotatividade de trabalhadores da loja, já que os colaboradores estarão mais preparados e satisfeitos com o trabalho.

Montando treinamento para supermercado

A ideia é que você monte sua própria biblioteca de conteúdos para poder usar sempre que necessário. Você também pode ir modificando os materiais à medida que o mercado e a sua loja demandam atualizações.

Os treinamentos podem ser em material gráfico, de audiovisual ou arquivos reduzidos para que sejam compartilhados por rede social ou e-mail. Nada muito complexo, mas o suficiente para transmitir a mensagem que você quer.

Agora é hora de você aprender como criar um cronograma de treinamento para supermercado em apenas 3 passos.

1º passo – planeje o treinamento

O ponto de partida do seu treinamento corporativo é definir como você quer executá-lo e quais seus objetivos. Além disso, os resultados a serem alcançados e o público que você vai atingir.

Faça um estudo prévio do conteúdo que você quer ensinar aos colaboradores da empresa. Em seguida, rascunhe as anotações para poder colocar em prática no momento desejado.

Você também vai precisar definir módulos do treinamento, horários e a forma como você vai executar a capacitação. Depois, planilhe as anotações para que tudo saia conforme o planejado.

Uma dica que te dou é que, nesse processo de planejamento, você já consiga desenhar qual conteúdo vai trabalhar e para qual público ele será direcionado.

Só que para isso você precisa conhecer muito bem os colaboradores. Além disso, entender o perfil deles, as habilidades e as funções de cada um na empresa.

Também devem ser levadas em consideração as necessidades do seu supermercado. O problema são as rupturas constantes? A rotatividade dos funcionários? A falta de organização dos setores? A queda nas vendas? O que de fato tem te preocupado e que precisa de alinhamento?

Se por acaso você tiver dificuldades para fazer essa avaliação prévia das necessidades para um novo treinamento, pense o seguinte:

  • O meu objetivo com o treinamento é…
  • As funções dos meus colaboradores para chegar a esse objetivo são…
  • O treinamento vai ajudar os meus funcionários a aprender as atividades…
  • A melhor forma do treinamento para que eles assimilem as atividades é…

Quando você tiver as respostas, coloque no planejamento e pronto! Seu treinamento estará pronto para ser colocado em prática.

2º passo – crie o treinamento

trabalhadores sorrindo mostrando polegares para cima

Agora é começar a definir como será desenvolvido o treinamento. Foque no público escolhido, nas informações que você já tem sobre o perfil desse público e escolha quais métodos vai realizar a capacitação.

O treinamento corporativo pode ser feito por meio de apostilas impressas, arquivos em PDF, e-books ou workshops. Tem ainda bate-papo online e aulas gravadas para que o colaborador tenha acesso no tempo e no local que ele puder. Se preferir, faça vídeos curtos para serem acessados do próprio celular, por exemplo.

Agora, se a capacitação ideal é a presencial, com treinamento e atividades práticas, escolha data e local. Caso o treinamento seja extenso e demande a participação de todos da empresa, melhor dividir o curso por etapas ou por grupos de participantes.

Nessa fase você vai definir os temas que quer trabalhar no treinamento e o período dele. Se for semanal ou mensal, divida os assuntos e monte o cronograma com tudo que vai ser abordado em cada dia.
Sendo o primeiro treinamento, você pode trabalhar temas como:

Dentre outros. Dá para pensar em inúmeros assuntos voltados ao varejo alimentar.

Interação

E para prender um pouco mais a atenção do seu público e deixar o treinamento leve, tente trabalhar algumas dinâmicas. Ou ainda montar um conteúdo com pitadas de descontração.

Até para que o colaborador consiga sair daquela rotina exaustiva da loja e passe a sentir prazer em aprender e depois colocar o aprendizado em prática.

Essa é apenas uma dica técnica para trabalhar no seu treinamento, mas você pode pensar em outros processos. Ouça também o que eles têm a dizer. Para isso, faça chamadas de vídeos usando plataformas como Zoom e Meet.

Agora que você tem definido como se dará o treinamento, anote os custos que porventura terá e tudo mais o que precisar para agendar a capacitação e convidar os participantes. Sempre com bastante antecedência, ok?

3º passo – aplique o treinamento

Com tudo na ponta do lápis e data marcada, você está pronto para começar. Com alguns dias de antecedência até a data do curso, lembre os seus funcionários.

Faça uma comunicação interna bem atrativa com recados no mural, por e-mail ou no grupo do WhatsApp. Deixe sempre clara a importância da presença deles.

Se couber no orçamento, prepare um lanche para o treinamento presencial, se for o caso. Você também pode oferecer alguns brindes para entregar.

No primeiro momento você vai precisar mostrar a eles o cronograma do treinamento, os objetivos, o que a empresa espera deles e/ou o que eles podem esperar da empresa. Explique como funcionam os módulos, se vai ter intervalo ou não e como ele poderá acessar o conteúdo.

Ao final do treinamento, procure ter um feedback dos participantes. Não se esqueça de uma mensagem final de motivação e valorização para que todos tenham sucesso ao colocar em prática a aprendizagem.

Esse retorno é imprescindível para que você possa inovar nos próximos treinamentos. Afinal de contas, a empresa depende de todos para que o sucesso exista.

Se faltar inspiração para pensar em alguns temas, aqui mesmo no FalaMart tem vários conteúdos que podem ser trabalhados com o seu time. Inclusive, já falamos sobre treinamento para garçons e para equipe de hotel. Então aproveite e bons estudos!

Até a próxima!