Home Destaque Será que contratar vendedor externo vale a pena?
Dois homens em pé, vestidos formalmente, olhando para um notebook sobre uma bancada de vidro.

Será que contratar vendedor externo vale a pena?

0
1664

Dependendo do tipo de atividade que a sua empresa realiza, pode ser interessante criar certas estratégias na busca por maior lucratividade, afinal de contas, ficar na zona de conforto não costuma fazer alguém crescer. É nesse ponto que sugerimos a contratação de um vendedor externo, ou seja, alguém que falará em nome da sua empresa para lidar com questões específicas.

 

Não sabe no que um vendedor externo pode te ajudar? Pensa em contratar esse tipo de serviço e está em busca de maiores informações? Fique à vontade, este texto é para você. Confira!

Homem de cabelos brancos, terno e óculos de grau, falando em telefone celular.

Quando é hora de contratar vendedor externo?

Existem momentos na trajetória de uma empresa em que ela deverá se reorganizar em função das características do mercado. Um deles é quando fica evidente que ela precisa prospectar novos clientes para aumentar as vendas.

Situações assim exigem um jogo de cintura maior por parte da gestão, uma vez que não basta apenas dedicar um ou outro funcionário para fazer o trabalho, mas sim preparar uma situação especial onde o setor comercial tenha como agir mais ativamente na busca por clientes. É nesse momento que se deve considerar contratar vendedor externo e dar a ele essa missão.

É comum ver companhias perdendo oportunidades simplesmente por se acostumarem com procedimentos tradicionais. Esse é um erro que pode gerar prejuízos, uma vez que o comportamento do consumidor muda constantemente, o que exige uma atitude mais proativa da gestão.

Nesse sentido, o que um vendedor externo faz é justamente ir atrás do cliente para entendê-lo e fazer da solução que a empresa oferece, algo que ele pode comprar. Além disso, esse profissional pode também fazer o acompanhamento da conta e criar uma relação mais próxima com os clientes, garantindo a fidelização com o seu negócio.

Entenda o mercado antes de tomar uma decisão

É interessante que você avalie se o mercado em que atua apresenta espaço para um crescimento sustentado na ação desse tipo de profissional. Caso a resposta seja afirmativa, pense nesse mercado, em seu potencial e nas características do seu negócio para somente então tomar as decisões a respeito do tipo de profissional a contratar, o público que ele deve alcançar e também na gestão da equipe de vendas como um todo. Esse levantamento prévio de informações será fundamental para que você faça o investimento certo.

Homem de terno estendendo a mão com a intenção de dar um aperto de mão.

Como fazer para trabalhar com vendedor externo

Profissionais que atuam em lojas agroveterinárias e com materiais de construção, por exemplo, podem procurar parcerias no mercado para vender mais e assim fazer seu comércio crescer rapidamente. Esse modelo favorece mais os negócios que lidam com vendas em grandes quantidades e trabalham com contratos de fornecimento, como acontece nos dois segmentos citados. Se o seu negócio apresenta um caso parecido, o ideal ao contratar vendedor externo é estruturar a montagem do sistema na qual ele atuará, criando meios para que sua ação seja aperfeiçoada.

Primeiro, é preciso garantir que o produto em questão dê sustentabilidade para que esse profissional gere resultados. Depois, pense também em como será o recrutamento desse vendedor. É recomendável conferir se os clientes anteriormente atendidos por ele se sentem satisfeitos com o atendimento e os produtos oferecidos por ele.

Depois da contratação, não deixe de acompanhar de perto os resultados do vendedor externo para, em função deles, avaliar se o investimento está dentro das expectativas ou não.

Dois homens em pé, vestidos formalmente, olhando para um notebook sobre uma bancada de vidro.

Ganhe mercado com o vendedor externo

Quando você escolhe um profissional qualificado para ir em busca das soluções que a sua empresa precisa, a tendência é que ela ganhe mercado e obtenha resultados. No entanto, é preciso que você faça sua parte para garantir que a ação desse profissional seja realmente estratégica. O processo de vendas deve ser cuidadosamente estudado e suas ações organizadas em função das necessidades empresariais.

Sendo assim, invista em tecnologia para garantir a infraestrutura que o vendedor externo precisa para viabilizar negócios. Soluções como ferramentas colaborativas, assinatura eletrônica, recursos de mobilidade corporativa, entre outras, são indicadas para aperfeiçoar esse processo.

Qual a diferença entre vendedor externo e representante comercial?

O vendedor externo é um funcionário da sua empresa, formalizado como tal. Trata-se de um profissional que trabalha por uma remuneração fixa e recebe benefícios determinados pela legislação trabalhista. Dessa forma, sua atuação segue as diretrizes e padrões da companhia a qual está vinculado.

O representante comercial, por sua vez, é caracterizado como autônomo, o que significa que ele pode prestar serviços para diferentes empresas sem vínculo empregatício com qualquer uma delas. Ele pode atuar como pessoa física ou jurídica, bastando seguir o contrato de representação acordado, no qual constam seus direitos e deveres.

É melhor contratar um vendedor externo ou um representante comercial?

A resposta não é tão simples: depende do seu modelo de gestão, quais os objetivos e a dimensão das metas da empresa, a localização geográfica dos profissionais e até mesmo a forma como as atividades do funcionário ou prestador de serviços será controlada.

Ambos os profissionais têm atribuições e características de relação de trabalho parecidas, porém o vendedor externo, por ser um colaborador contratado em regime tradicional, representaria um custo fixo para a empresa (salário e benefícios). Já o representante comercial representaria um custo variável, recebendo apenas pelo resultado.

Por isso, deve-se analisar qual tipo de profissional se encaixa melhor no perfil, nos objetivos e nos processos internos da sua companhia.

Conclusão

Contratar vendedor externo pode representar uma excelente oportunidade para que a sua empresa fature mais. Mas atenção: esse profissional precisa de apoio corporativo para trabalhar! Planeje os objetivos da ação do funcionário e estabeleça métodos que permitam analisar se o trabalho tem sido satisfatório ou não. Dependendo dos resultados desejados e alcançados, adapte a estratégia para potencializar os lucros.

Gostou da ideia de não depender só do balcão para as vendas? Saiba como otimizar estratégias de vendas através do telemarketing!

DEIXE UMA RESPOSTA:

Please enter your comment!
Por favor, insira seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.